Tubetes em Compostos de Fibra de Vidro

More Info
Rolos em Fibra Carbono

Fortes pressões visando a redução de custos e melhorias na produtividade têm gerado uma demanda sem precedentes por métodos inovadores para a redução do refugo/desperdício, o aumento na segurança, economias financeiras, e aumento de produtividade. Embora muitas vezes tendo sido visto como uma área onde não é possível adotar melhorias, o tubete permite exatamente isto. O tubete mais adequado pode economizar enormes quantidades de dinheiro, e melhorar significativamente as operações.


Problemas associados com tubetes descartáveis de papelão

A indústria de conversão não tem dado a devida atenção à uma grande fonte de desperdício ao utilizar tubetes descartáveis de papelão. O custo inicial relativamente baixo de um tubete de papelão engana quando os aspectos listados abaixo são considerados:

  • Custo real por utilização
  • Espaço de armazenagem
  • Freqüente processo de compra e recebimento
  • Descarte
  • Perda ocasional de uma bobina cheia de material devido a danos no tubete
  • Inconsistência no diâmetro interno dos tubetes
  • Contaminação por pó
  • Absorção de umidade
  • Incêndios em tubetes

Tubetes de papelão apresentam custos elevados, e problemas de desempenho associados à eles. Além das considerações acima, tubetes de papelão possuem baixa resistência ao esmagamento e ao rasgo, assim como baixas velocidades críticas. Estes fatores limitam o tamanho das bobinas e a velocidade de operação, claramente reduzindo a eficiência. É comum observar que as indústrias e os convertedores passaram a empregar plugs/buchas de plástico ou madeira devido à baixa resistência ao esmagamento. Alguns convertedores e gráficas utilizam proteções metálicas na parte interna dos tubetes, que podem custar tanto quanto, ou mais que, o tubete em si para solucionar o problema com o esmagamento dos tubetes. De uma forma ou de outra, os plugs/buchas terão que ser comprados, armazenados, inseridos nos tubetes, e posteriormente retirados, antes do descarte. Em muitos casos, as próprias proteções metálicas podem rasgar o tubete, resultando na necessidade de recuperar as bobinas. Todos estes fatores aumentam o custo dos tubetes descartáveis de papelão de "baixo custo".



Problemas associados com tubetes metálicos e de plástico

Alternativas convencionais na substituição dos tubetes de papelão incluem tubetes metálicos e de plástico reforçado. Tubetes de aço, além de apresentarem um custo relativamente elevado, geram preocupações ergonômicas e de segurança, problemas de corrosão, e despesas adicionais desnecessárias quando são enviadas à outras fábricas ou clientes. Tubetes de alumínio são mais leves que os tubetes de aço, mas continuam pesados. Em algumas fábricas até o roubo tem sido um problema devido ao elevado valor de recuperação do alumínio.


Tubetes não reforçados de plástico, enquanto solucionam vários problemas associados aos tubetes metálicos, não suportam bobinas pesadas - distorcem e esmagam com a tensão da bobina enrolada, especialmente se a bobina permanecer estacionada por um período de tempo. Mesmo sob carregamentos moderados, tubetes de plástico sofrem distorção, muitas vezes resultando em bobinas inutilizáveis, e refugadas.



A beleza dos tubetes compostos

Tubetes em compostos de fibra de vidro Dura-Light são tubetes leves e de alta resistência, que podem ser reutilizadas indefinidamente. Suportam grandes tensões, e portanto não esmagam, e é impossível rasgarem, independentemente da magnitude do torque. São bem mais leves que o metal, e não sofrem com problemas de corrosão. Na realidade, os tubetes compostos da Double E pesam menos que a metade do peso de um tubete comparável de alumínio, mas são oferecidos a preços similares. Os tubetes Dura-Light estão disponíveis em diâmetros de até 1220 mm, e em comprimentos de até 9,75 metros.

Tubetes em Compostos de Fibra de Vidro
Eixos para tubetes
Precisa de eixos para tubetes? Clique aqui
Mandris e Castanhas